quarta-feira, 20 de julho de 2016

PARTIDO ECOLÒGICO NACIONAL: Convite de Convenção!


domingo, 8 de março de 2015

CARTA DE ABRAHAM LINCOLN AO PROFESSOR DO SEU FILHO


“Caro Professor, ele terá de aprender que nem todos os homens são justos, nem todos são verdadeiros, mas por favor diga-lhe que, para cada vilão há um herói, para cada egoísta há também um líder dedicado, ensine-lhe por favor que para cada inimigo haverá também um amigo, ensine-lhe que mais vale uma moeda ganha que uma moeda encontrada, ensine-o a perder mas também a saber gozar da vitória, afaste-o da inveja e dê-lhe a conhecer a alegria profunda do sorriso silencioso, faça-o maravilhar-se com os livros, mas deixe-o também perder-se com os pássaros no céu, as flores no campo, os montes e os vales.

Nas brincadeiras com os amigos, explique-lhe que a derrota honrosa vale mais que a vitória vergonhosa, ensine-o a acreditar em si, mesmo se sozinho contra todos. Ensine-o a ser gentil com os gentis e duro com os duros. Ensine-o a nunca entrar no comboio simplesmente porque os outros também entraram.

Ensine-o a ouvir todos, mas, na hora da verdade, a decidir sozinho, ensine-o a rir quando estiver triste e explique-lhe que por vezes os homens também choram. Ensine-o a ignorar as multidões que reclamam sangue e a lutar só contra todos, se ele achar que tem razão.

Trate-o bem mas não o mime, pois só o teste do fogo faz o verdadeiro aço, deixe-o ter a coragem de ser impaciente e a paciência de ser corajoso. Transmita-lhe uma fé sublime no Criador e fé também em si, pois só assim poderá ter fé nos homens.

Eu sei que estou pedindo muito, mas veja o que pode fazer, caro Professor.

Abraham Lincoln – 1830”


domingo, 1 de março de 2015

PC do B um novo momento, um novo desafio


Orgulho-me da confiança depositada pelo PC do B para representar a sua comissão partidária em Bom Conselho, assumindo o honrado comando do partido como presidente dessa histórica legenda partidária em nosso país. Celebro com muita alegria o reconhecimento da importância desta vontade, valor que quero compartilhar e celebrar com todo povo bomconselhense. Como cidadão livre que sou, pretendo levar ao meu município minha modesta contribuição diante do processo político democrático de direito, defendendo mais políticas públicas para o crescimento sustentável de Bom Conselho. Ajudando de forma mais sincera a construir um caminho de desenvolvimento de verdade, garantindo ao povo de Bom Conselho o usufruto dos seus sagrados direitos, proporcionado pelo exercício pleno da cidadania. Minha bandeira como todos já sabem é a cultura popular, agente transformador que representa toda origem da nossa gente, da nossa história de vida. Valor essencial para o desenvolvimento na formação educacional, principal instrumento transformador na vida de cada cidadão, qualificando mãos de obras essenciais para existência da raça humana. 

Viva a cultura popular do povo brasileiro. A mais rica das manifestações da criatividade e da capacidade de expressão popular cultural do mundo.

Viva Bom Conselho!!!

Carlos Alberto
Presidente do PC do B de Bom Conselho

domingo, 17 de agosto de 2014

Poder Legislativo de Bom Conselho concedeu títulos a Eduardo Campos, mais Casa de Dantas Barreto não entregou



Na Legislatura 2009 a 2012, o Parlamento Municipal de Bom Conselho, concedeu dois Tributos ao então Governador Eduardo Campos. Os referidos títulos; são a Comenda de Dantas Barreto e o Título de Cidadão Honorário de Bom Conselho, ambos aprovados por unanimidade pelo corpo parlamentar da Casa de Dantas Barreto. 

Vale salientar que em 122 anos de Emancipação Política de Bom Conselho, o saudoso Governador Eduardo Campos, é o primeiro agraciado pela Comenda Dantas Barreto, Título esse Aprovado por Unanimidade pelo Poder Legislativo em 14 de setembro de 2011, e sancionado 30 de setembro de 2011, sendo os referidos Projetos de autorias dos ex-vereadores Carlos Alberto e Gilmar Aleixo.   

“Não quero criar polêmica e nem tão pouco me promover diante desse momento que comove com um profundo pesar o povo brasileiro, em especial o povo pernambucano, na qual me incluo acontecimento esse que levou a óbito o Governador Eduardo Campos. Mas o momento requer dar conhecimento aquém possa interessar. Não entendo o que vem impossibilitado o Poder Legislativo de Bom Conselho, entregar os referidos tributos contemplados por vontade unânime da sua Casa Legislativa. Vale lembrar que tanta a Comenda de Dantas Barretos como o Título de Cidadão Honorário de Bom Conselho ao pernambucano Eduardo Campos, foram aprovados desde 2011 e 2012, e que até a presente data não foi entregue as referidas honrarias. É com grande tristeza que o nosso saudoso Governador Eduardo Campos, não tenha em vida recebido seus merecidos títulos. Espero que a atual presidência do Poder Legislativo de Papacaça, possa destinar os referidos tributos aos seus familiares. Já que a maioria absoluta dos Senhores Vereadores de Bom Conselho, incluindo o Ilustre presidente da Câmara Municipal do nosso município, são militantes e eleitores do Partido Socialista Brasileiro (PSB), nessas eleições de 2014. Partido esse presidido até o ultimo suspiro de vida pelo seu saudoso Presidente Nacional, EDUARDO HENRIQUE ACCIOLY CAMPOS. Por fim quero crer, que o Poder Legislativo de Bom Conselho não é obrigado a conceder honrarias, mais uma vez que concede, é sim, obrigado a entregar as referidas Comendas aos seus agraciados”. Sentenciou Carlos Alberto, ex-vereador de Bom Conselho.
 

domingo, 1 de junho de 2014

Bruno Araújo pode disputar Governo do Estado de Pernambuco.


O PSDB pernambucano pode ter candidato a governador: o deputado Federal Bruno Araújo. É o que aponta o colunista Cláudio Humberto. De acordo com o texto, só falta o pré-candidato a presidência da República pela sigla, senador Aécio Neves, que dirige a legenda Nacionalmente, bater o martelo. A possibilidade de candidatura própria é mais um reflexo do estremecimento da relação entre Aécio e o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), pré-candidato ao Palácio do Planalto. Apesar de a possibilidade de candidatura própria soar como uma retaliação do PSDB ao PSB, que deve lançar candidatura própria em Minas Gerais, reduto eleitoral de Aécio Neves, uma postulação tucana ajudaria, principalmente, o senador Armando Monteiro Neto (PTB), que disputará o Palácio do Campo das Princesas. Isto porque aumentaria às chances de a disputa ir para o segundo turno em um cenário eleitoral que tem o ex-secretário Estadual da Fazenda, Paulo Câmara (PSB), indicado por Eduardo Campos, como outro nome competitivo para garantir mais quatro anos de PSB no Governo de Pernambuco.

Levando em conta o atual quadro eleitoral, o PSDB terá dificuldades para viabilizar uma candidatura competitiva no Estado, independentemente do nome que seja lançado. O PTB de Armando Monteiro Neto já tem o PT em sua chapa, o deputado Federal João Paulo é o mais cotado para disputar o Senado da República, e PSB de Paulo Câmara tem partidos como PMDB e DEM em sua coligação, a Frente Popular de Pernambuco, que agrega 20 legendas ao todo. Em meio às alianças pré-definidas e a coligação do PSB, considerado a maior da história de Pernambuco, que podem ser um “pesadelo” na vida dos tucanos, caso lancem candidatura própria ao Executivo Estadual, qual partido o PSDB apoiaria em um possível segundo turno entre PSB e PTB é uma incógnita. De qualquer maneira, os tucanos já vinham mostrando forte alinhamento com os socialistas em Pernambuco, tanto é que, em 2010, quando o então governador Eduardo Campos disputava a reeleição, e foi eleito, 14 dos 17 prefeitos do PSDB apoiaram o socialista. E, em 2014, já haviam sinalizado claramente o apoio à candidatura de Paulo Câmara ao Palácio do Campo das Princesas.

Diante desta aproximação de Eduardo Campos com os tucanos, circulou nos bastidores a informação de que ele teria firmado com Aécio Neves um “pacto de não agressão” em alguns Estados, para enfraquecer o PT, e, em consequência, a presidente da República Dilma Rousseff, que tentará a reeleição. Porém o ex-chefe do Executivo pernambucano não chegou a confirmar publicamente a existência do suposto acordo. Um dos supostos pactos seria em Minas Gerais, onde Aécio governou por oito anos. Lá, o PSDB tem como pré-candidato ao ex-ministro Pimenta da Veiga. E no PSB tem um impasse. Eduardo Campos quer lançar o deputado Federal Júlio Delgado, que foi candidato a presidente da Câmara dos Deputados no ano passado. Entretanto, a candidata à vice-presidente do socialista, ex-senadora Marina Silva (PSB), defende a candidatura do seu correligionário e ambientalista Apolo Heringer. O fato é que o socialista não vinha tecendo críticas contundentes ao presidenciável tucano. Mas, após Aécio Neves ter dito, no dia 4 deste mês, no Fórum Empresarial de Comandatuba (BA), que não via Eduardo Campos como adversário, ex-senadora Marina, demonstrou o seu descontentamento com a declaração do tucano. “O PSDB sabe que já tem o cheiro da derrota no segundo turno”, disse Marina Silva, no dia 7 de maio, durante palestra sobre sustentabilidade na Universidade Federal do Tocantins (UFTO). O posicionamento da ex-senadora do Acre foi confirmado por Eduardo Campos. “A análise de Marina é a visão de muitas pessoas”, disse o ex-governador, durante visita à Expozebu, feira pecuária em Uberaba (MG). 

Fonte: http://blogpoliticaecidadania.blogspot.com.br/2014/05/deputado-bruno-araujo-pode-disputar.html

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Vamos mudar!


Estamos vivenciando um momento que já não sabemos se os acontecimentos em nossas vidas, são bons ou ruins, estamos presos diante de um sistema vicioso, que já não nos permitem, diferenciar o certo do errado, isso tudo porque colocamos os nossos interesses pessoais acima do bem e do mal, dando poder aos indignos, que apenas representam seus ambiciosos projetos de ordem pessoal, sempre a serviço do seu maldito enriquecimento, custeado por uma sociedade empobrecida e escravizada, por um regime monocrático e autoritarista, onde na falta do bom censo, sobrar muita inteligência a procura de um caráter.

Até quando o nosso povo vai perceber, que a maior mudança de uma sociedade, nasce no processo de escolha dos nossos representantes políticos, enquanto os critérios forem, empregos, cimentos, tijolos, dinheiro... Estaremos condenados a enriquecer que mais nos empobrece.
  
Vamos fazer em 2014 uma escolha certa! Diga não para quem pensa que o nosso povo é besta.